Oficina da SAS capacita mais de 80 entrevistadores que atuam no Cadastro Único

Gostou? Compartilhe nas suas redes

Com o objetivo de atualizar os servidores que atuam como entrevistadores no Cadastro Único, a Secretaria Municipal de Assistência Social (SAS) realizou nesta semana, a capacitação de mais de 80 servidores que, além de orientações quanto a condução correta do atendimento, também foram informados sobre as novas regras do Programa Bolsa Família, além de no aprimoramento dos processos de entrevistas sociais do Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal.

Os técnicos atuam na função de entrevistador social e auxiliar social nas 26 unidades da SAS e participam periodicamente de oficinas que têm como foco o aprimoramento dos processos de entrevistas sociais do Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal.

Durante a capacitação, os participantes trabalharam ações voltadas ao preenchimento dos formulários de cadastramento, sistemas de informações e o alinhamento do trabalho. Uma das atividades foi a simulação de atendimento, onde foram apresentadas as dúvidas e dificuldades mais frequentes levadas pelos usuários aos Cras, Centros de Convivência e Central do Cadastro Único, no bairro Amambaí.

De acordo com a gerente do CadÚnico, Viviane Brandão, as simulações têm a proposta de deixar o processo de capacitação mais dinâmico e interativo. “É necessário fazer um acompanhamento constante das equipes para oferecer um suporte. Sempre tem alterações e considerações diferentes no universo dos programas sociais, por isso nosso objetivo é que as equipes se sintam seguras para oferecer as informações, garantindo uma padronização do atendimento de forma que as famílias de todas as regiões tenham acesso às mesmas informações, evitando de se locomoverem a locais desnecessários”, explicou.

Para a assistente administrativa do Cras Dom Antonio, Adriana Felix, a oficina é a oportunidade de atualizar as informações sobre o sistema do Cadastro Único. “É importante para nós que estamos nas unidades, pois os usuários têm muitas dúvidas e questionamentos que às vezes não sabemos explicar com propriedade. Aqui somos capacitados para atender da melhor forma, com qualidade e acolhimento, sanando dúvidas e orientando nossos usuários de uma forma apropriada”, pontuou.

Na opinião de Adriana, após a troca do governo federal, os usuários estão procurando com mais frequência os Cras para sanar as divergências de informações e evitar bloqueio do benefício.

Educação continuada

Viabilizado pela Gerência de Gestão da Escola do SUAS, a capacitação foi organizada para atender uma demanda do Cadastro Único, assim como ocorre com as demais áreas da SAS. A gerente Simone Gomes Martins Vieira, explicou que foi elaborada uma dinâmica para atender os servidores, coordenadores e público solicitados e que as oficinas ocorrem de forma continuada para garantir a atualização dos profissionais.

“Essa estratégia garante que nossos servidores atendam os usuários de forma humanizada, sempre repassando as orientações de forma correta. A gestão da Escola do Suas utiliza o plano de educação permanente e até o final do ano, muitas capacitações, inclusive uma inédita para motoristas, serão realizadas”, disse Simone.

campaonews

campaonews