Tempo médio para abertura de empresa em Campo Grande é de 9 horas

Tempo médio para abertura de empresa em Campo Grande é de 9 horas
Gostou? Compartilhe nas suas redes

Abrir uma empresa em Campo Grande é bem mais rápido que na maioria das demais capitais do Brasil. Enquanto o tempo para abertura de empresas no país é, em média, de 1 dia e 6 horas, em Campo Grande os empresários levam cerca de 9 horas para abrir uma empresa. Os dados constam no Mapa de Empresas, elaborado pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços.

A informação corresponde aos resultados de aberturas de empresas referente ao primeiro quadrimestre de 2023. De acordo com os dados apontados no Mapa, 9.549 empresas foram abertas em Campo Grande até o mês de maio, contra as 8.799 empresas abertas no mesmo período de 2022. O boletim revela ainda que no mesmo período do ano passado, o empresário campo-grandense levava em média 1 dia e 20 horas para essa atividade. Com o novo relatório, a capital salta do 23º lugar para a 12ª posição no ranking nacional de tempo médio para abertura de empresas.

“Esse dado nos deixa muito feliz e mostra que todas as iniciativas que a Prefeitura de Campo Grande e demais órgãos têm tomado para desburocratizar o processo de abertura de empresas já vem dando resultado. Uma das dificuldades mais relatadas pelos empresários ao se iniciar um empreendimento é o excesso de burocracia, fator que desestimula muitos empreendedores a iniciarem seu próprio negócio”, avalia o secretário municipal de Inovação, Desenvolvimento Econômico e Agronegócio, Adelaido Vila.

O Mapa de Empresas analisa o tempo médio de abertura de empresas e o cumprimento da etapa da viabilidade, em que o município e a Junta Comercial confirmam a possibilidade de a empresa se estabelecer no endereço indicado e usar o nome empresarial escolhido; e da etapa do registro, em que a Junta Comercial arquiva os documentos de constituição da empresa e lhe fornece o número do CNPJ, gerado pela Receita Federal do Brasil. Para empresas que exploram atividades de baixo e médio risco, o cumprimento dessas etapas é suficiente para o início do funcionamento.

Para o professor do curso de Administração da Faculdade Novoeste, Thiago Asato, o resultado da capital sul-mato-grossense é muito positivo quando se considera o salto no ranking, mas principalmente, o tempo médio nacional de abertura de empresas que é de 1 hora e 6 dias. “Tendo em vista ainda o porte, forma de constituição e ramo de atividade, esse tempo de espera pode variar, mas considero muito positivo que o empreendedor consiga colocar sua empresa em funcionamento mais rapidamente e usufrua de melhores condições para abrir o próprio negócio, o que, para muitos, é realização de um sonho”, destaca o especialista.

No caso de aberturas de micro e pequenas empresas em Campo Grande, a Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria Municipal de Inovação, Desenvolvimento Econômico e Agronegócio (Sidagro) dá toda orientação necessária para facilitar a abertura e regularização de empresas, otimizando e simplificando processos que tanto amarram o empreendedor.

Nas Salas do Empreendedor do Município é possível fazer a formalização de empresa MEI, emissão de boleto de pagamento (DAS), declaração anual de faturamento, regularização de débitos do MEI, alteração de dados cadastrais do CNPJ, viabilidade, emissão de certificado MEI (CCMEI), emissão de nota fiscal de serviço eletrônica e baixa de empresa.

As Salas do Empreendedor funcionam dentro das incubadoras, como três delas estão em reforma, os espaços estão funcionando nos endereços abaixo:

  • Sala do Empreendedor da Incubadora Francisco Giordano Neto → na própria Sidagro, Rua Dr. Antônio Alves Arantes, 263 – Chácara Cachoeira.
  • Sala do Empreendedor da Incubadora Mário Covas → CRAS Dr Fauze Duailibi Amizo, Rua dos Topógrafo, 1175 – Jardim Canguru.
  • Sala do Empreendedor da Incubadora Norman Edward Hanson → CRAS São Conrado, Rua Livino Godói, 777 – São Conrado.
  • Sala do Empreendedor da Incubadora Zé Pereira → Rua Eugênio Peron, 676, Zé Pereira.

O boletim do 1º quadrimestre de 2023 do Mapa de Empresas elaborado pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços pode ser acessado neste link.

 

campaonews

campaonews